Ambiental

Adrenalina e sustentabilidade andando juntos!

O palco do Sertões é o Brasil. Assim, as ações voltadas ao meio ambiente são uma das prioridades do maior rally das Américas. A começar por tornar o evento Carbono Zero, ação realizada em parceria com a Carbonext, que possibilita a neutralização das emissões de CO2 de toda frota e deslocamento aéreo dos participantes.

Além disso, o Sertões trabalha ativamente para minimizar o impacto ambiental por seus caminhos, cuidando de várias frentes. Na edição 2023 do Sertões BRB, uma rede de parceiros foi implantada para executar as ações ligadas à sustentabilidade de forma coordenada e eficaz. Um trabalho coordenado pela equipe da Sertões Ambiental, responsável pela gestão desse ‘Hub Sustentável’.

As ações foram unificadas sob o conceito “Sete Atos para Manter o Nosso Palco Vivo”, seguindo as normas da ABNT 20121

  1. Neutralização das emissões de CO2

Com base em informações detalhadas do evento, calcula-se as emissões de CO₂ a serem compensadas e com esses dados é feita a compra de créditos necessários para compensar todo o carbono emitido ao longo da competição. Os créditos são repassados para projetos que protegem florestas, ações de preservação e reflorestamento que geram energia sustentável.

  1. Gestão de resíduos

As Vilas Sertões, que reúnem competidores, organização e público local nas cidades atravessadas pelos eventos, reúnem milhares de pessoas. O objetivo aqui é deixar cada local da maneira que foi encontrado. Para isso, cooperativas locais atuaram no recolhimento do material reciclável, proporcionando a destinação correta a materiais como papelão, plástico, latinhas, vidros e garrafas PET. Durante o Sertões BRB 2023 foram recolhidos sete toneladas de resíduos que deixaram de ir para aterros e geraram renda para os catadores e suas famílias.

  1. Educação ambiental

Seguindo critérios de necessidade de saneamento, duas escolas da rede pública foram escolhidas entre as cidades do roteiro do Sertões BRB 2023 para receber centrais de distribuição de água, atendendo cerca de 340 estudantes, educadores e funcionários no total. Os alunos participaram de palestras sobre gestão de resíduos e compostagem, plantação de mudas e criação de hortas pedagógicas. Além disso, nas Vilas Sertões, as turmas das escolas visitantes puderam acompanhar de perto as ações ambientais desenvolvidas.

  1. Rerrefino do óleo lubrificante usado e contaminado

O óleo lubrificante usado é um dos principais rejeitos nas provas motorizadas, e garantir sua destinação sustentável um desafio. No Sertões BRB, a Lwart Soluções Ambientais se encarregou da coleta do material para reciclagem e reaproveitamento. Antes da largada, cada equipe recebeu uma bombona de 20 litros para acondicionar o óleo. Devidamente armazenado, ele foi levado à fábrica da Lwart, em Lençóis Paulista (SP). Lá, o óleo usado passa por uma série de análises e pelo rerrefino, o processo de transformação do óleo usado em óleo básico, matéria-prima para produção de lubrificantes. Processado pelas empresas produtoras, ele retorna ao mercado sob a forma de produtos industriais, agrícolas, automotivos e elétricos, formando assim um ciclo sustentável e infinito.

  1. Limpa Trilha

O Sertões Ambiental conta com um time denominado Limpa Trilha, que é sempre o último a percorrer os caminhos atravessados pelos competidores. Sua missão é limpar e recolher eventuais resíduos deixados pelos participantes. Materiais provenientes de eventuais acidentes ou quebras dos veículos, que podem deixar vidros quebrados, pedaços de ferro e fibra, como para-choques ou portas, rodas, pneus, óleo e outros detritos. Além de garantir a integridade dos locais percorridos por carros, motos e UTVs, a ação estimula o reaproveitamento dos materiais.

  1. Doação de filtros

A parceria entre o Instituto Sertões e a Conasa proporcionou a entrega de 250 kits de filtros de água para 250 famílias localizadas na área rural de Petrolina (PE), no povoado do Porto da Barra (AL) e nas cidades de Crato (CE), Camocim (CE) e Preá (CE). Os filtros foram desenvolvidos com materiais baratos e de fácil acesso. Além disso, treinamentos em comunidades identificadas pelas prefeituras com a ajuda da Sertões Ambiental ensinaram famílias a montarem os filtros com os materiais que possuem em casa ou que são fáceis e baratos para adquirir. 

  1. Voluntariado ambiental

Parcerias com universidades, secretarias e diretorias de Meio Ambiente das cidades por onde o rally passou proporcionaram ações pontuais com ajuda de voluntários. Eles foram treinados e ajudaram a conscientizar as equipes de rally da importância da destinação correta dos resíduos. Os participantes explicavam onde se localizava o ponto da destinação do óleo usado e alertavam sobre a importância da separação dos resíduos contaminados, recicláveis e resíduos comuns. Ao final do evento, cada voluntário recebeu um certificado de voluntário da Sertões Ambiental.